Lira comemora aprovação de texto-base do novo IR na Câmara

Metro1

Proposta reduz tributos para empresas, cria imposto sobre dividendos e muda regras para as pessoas físicas

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), comemorou a aprovação do texto-base da reforma do IR (Imposto de Renda). Em publicações no Twitter, Lira disse que muitos davam o texto como “fadado ao fracasso”. Nesta quinta-feira (2), ele se reunirá com líderes da Casa para definir a votação dos destaques.

“A política é feita por gestos, palavras, conversas e, principalmente, respeito aos acordos firmados. Longe de querer impor a minha vontade, cheguei à presidência da Câmara com o compromisso de dar mais voz e importância ao poder mais transparente, representativo e democrático do país”, escreveu Lira.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Ontem, quando muitos davam como fadado ao fracasso, deputados e deputadas aprovaram o texto base que muda as regras do Imposto de Renda. Um texto construído com muito debate entre governo e oposição, porque aqui na Câmara o partido majoritário é o do progresso do Brasil”, acrescentou.

O texto-base foi aprovado pela Câmara com 398 votos favoráveis e 77 votos contrários. A proposta reduz tributos para empresas, cria imposto sobre dividendos e muda regras para as pessoas físicas.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Os deputados ainda votarão 26 propostas de alteração no projeto de lei. Dentre os requerimentos, pedidos que podem alterar o porcentual da taxação de lucros e dividendos para 15% em vez de 20%, como está no texto aprovado ontem.

A reunião de hoje de Lira com líderes deve definir também como e quando será a votação do Código Eleitoral, que estava prevista para esta quinta-feira