Mercedes-Benz vende fábrica paulista à chinesa Great Wall

Redação, com informações do Bahia.ba

Acordo inclui os equipamentos instalados na planta e não teve o valor revelado; campo de provas será mantido

Foto: reprodução/arquivo/G1

A Mercedes-Benz do Brasil confirmou nesta quarta-feira (18) a venda da fábrica em Iracemápolis (SP) para o grupo chinês Great Wall. Os equipamentos existentes na planta de 1,2 milhão de metros quadrados integram o negócio, cujos valores não foram revelados.

A montadora alemã vai manter o campo de provas, operado em parceria com a Boch em uma instalação próxima mas não vinculada à fabricação de veículos. A fábrica era voltada a automóveis leves – assim como a Ford na Bahia -, enquanto o campo de provas é utilizado mais por ônibus e caminhões da Mercedes-Benz.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Anunciada em 2013, a unidade vendida aos chineses começou a funcionar em 2016. Foram investidos R$ 600 milhões, sem o uso de incentivos fiscais governamentais. Com informações do UOL.