Fifa condena Vitória a pagar quase R$ 4 milhões a Jordy Caicedo

fonte BN

Jogador deixou o Vitória em fevereiro, após ter acionado a Fifa para conseguir a rescisão.

Foto: Letícia Martins/EC Vitória

O Vitória sofreu um revés na Fifa no último dia 10 de agosto. O Bahia Notícias apurou que clube foi condenado a pagar quase 740 mil dólares (cerca de R$ 4 milhões) ao atacante Jordy Caicedo, referente a indenização pela rescisão contratual por justa causa.

Jordy Caicedo deixou o Vitória em fevereiro, após ter acionado a Fifa para conseguir a rescisão. Ele alegou salários atrasados (relembre aqui). Atualmente, o atleta defende o CSKA Sofia, da Bulgária.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O equatoriano foi contratado pelo Vitória no dia 31 de julho por 2019, sendo anunciado por Paulo Carneiro, presidente da agremiação (saiba mais aqui). No Leão, ele disputou 44 jogos e marcou nove gols.

A decisão da Fifa ainda cabe recurso no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS). O Vitória irá recorrer.

Caso seja condenado no TAS, o Vitória sofrerá o temido “transfer ban”, ou seja: pode ficar impedido de registrar novos jogadores por até três janelas. E se valor devido a Jordy Caicedo não for sanado, a pena é de menos seis pontos no campeonato nacional.

DÉBITO COM CLUBE DO EQUADOR
Os problemas do Vitória não param por aí. O clube rubro-negro foi condenado pela Fifa em outro processo a pagar uma multa de 550 mil dólares (quase R$ 3 milhões) por não honrar uma parcela referente a aquisição de Jordy Caicedo, que pertencia ao Universidad Católica, do Equador. O Vitória já recorreu da decisão e o processo está em grau de recurso no TAS.