Motorista de carreta envolvida em acidente com 12 mortos se apresenta à polícia em Eunápolis

Redação

O acidente ocorreu na noite da última quarta-feira (29) próximo à localidade de Mundo Novo

Foto: reprodução/Radar64

O motorista de caminhão envolvido no acidente que deixou 12 pessoas mortas em um trecho da BR-101 de Eunápolis, na Costa do Descobrimento, se apresentou à polícia nesta sexta-feira (1°).

Conforme o G1, um dos advogados dele informou nesta quinta-feira (30) que o condutor não prestou socorro no momento do acidente porque temeu ser linchado por testemunhas e sobreviventes.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O defensor disse ainda que não havia sinal de celular. O acidente ocorreu na noite da última quarta-feira (29) próximo à localidade de Mundo Novo, em Eunápolis. Conforme testemunhas, um vagão se desprendeu do caminhão que estava carregado de toras de eucalipto e atingiu um ônibus e uma van que trafegavam pelo lado oposto da via.

Além dos 12 mortos, já identificados (ver aqui), outras 22 pessoas ficaram feridas, sendo que 17 receberam alta médica. Entre os hospitalizados, uma criança, em estado grave, precisou ser levada para uma UTI pediátrica em Salvador.

Outros quatro feridos estão internados no Hospital Regional de Eunápolis. Não há mais informações sobre o estado de saúde deles.