Bombeiros de Salvador são enviados para combater incêndio em Barreiras

Redação, com BN

O incêndio na Serra da Bandeira começou na madrugada do dia 8 e atinge parte da área de vegetação nativa e de cerrado

Foto: Manu Dias/GOVBA

Agentes do Corpo de Bombeiros (CBMB) de Salvador foram enviados para a região oeste da Bahia para auxiliarem no combate ao incêndio na Serra da Bandeira, em Barreiras. De acordo com o CBMB, 25 militares foram enviados nesta segunda-feira (13) para a região.

O incêndio na Serra da Bandeira começou na madrugada do dia 8 e atinge parte da área de vegetação nativa e de cerrado.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

De acordo com informações apuradas pelo G1 Bahia, a suspeita é de que o incêndio tenha começado por ação humana, mas não necessariamente criminosa.

O Corpo de Bombeiros sinaliza que os ventos e a vegetação seca fazem com que as chamas se alastrem. Elas chegaram a se aproximar do aeroporto de Barreiras.

Desde o início do período de vegetação mais seca, em agosto, os bombeiros alertam para que as pessoas evitem lançar bitucas de cigarro da janela de veículos e não usem o fogo para limpar lotes.

De acordo com o coronel Adson Marchesini, comandante-geral do Corpo de Bombeiros, a situação está bem mais crítica este ano. “Nós temos um grande número de focos de incêndios no interior, mas estamos presentes”, destacou.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O coronel Marchesini também falou sobre o envio de militares para reforçar o combate ao fogo na região do Parque Nacional da Serra da Capivara, na região sul do estado do Piauí, que faz divisa com a Bahia. “Estamos trabalhando para evitar que os incêndios que estão acontecendo lá venham para o território baiano, e também para ajudar nossos irmãos”.