Explosão a banco derruba teto de agência e deixa caixas destruídos em Salvador

fonte G1

Foto: Juliana Cavalcante/TV Bahia

Uma agência bancária da Caixa Econômica Federal, localizada na rua Álvaro Gomes de Castro, na região de Porto Seco Pirajá, em Salvador, foi explodida na madrugada desta quarta-feira (28). Não há registro de feridos.

Conforme informações iniciais obtidas pela polícia, cerca de 10 homens armados atuaram no ataque a agência. Cinco deles teriam ficado na parte externa da agência e cinco entraram para acionar os explosivos dentro da agência. Em seguida, eles abandonaram dois carros na região da BR-324, sentido Feira de Santana. Os veículos foram achados pela polícia.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Após a explosão, a agência ficou destruída, o teto caiu e vidros ficaram estilhaçados. Não há detalhes se o grupo conseguiu levar alguma quantia. Uma perícia deve ser realizada para apurar o caso. O comandante geral da Polícia Militar da Bahia, o coronel Anselmo Brandão, disse que a quadrilha já foi identificada e que a polícia atua para a prisão dos assaltantes.

Essa é a terceira explosão a banco em 20 dias. Na madrugada de 8 de outubro, assaltantes atacaram uma agência do Bradesco no bairro do Cabula e no dia 20 deste mês, um grupo explodiu uma agência da Caixa localizada no bairro do Retiro.

Região metropolitana
Uma agência bancária do Santander em Lauro de Freitas, também foi alvo de assaltantes. O local não foi explodido, mas foi arrombado. De acordo com a polícia, o objetivo era roubar luminárias da agência.

A ação ocorreu por volta das 4h40. Os assaltantes destruíram a porta de acesso a agência. Uma pá e um tronco foram achados no local. As luminárias não foram levadas e os homens deixaram o local.