Com dois de Gilberto, Bahia vence Atlético-MG de virada em Pituaçu

fonte Galáticos Online

Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Bahia e Atlético Mineiro duelaram na noite desta segunda-feira (19) em Pituaçu, e o Esquadrão venceu o Galo por 3 a 1, de virada, após fazer um primeiro tempo muito ruim e se recuperar na segunda etapa. Os gols foram marcados por Savarino, para o Atlético-MG, e Gilberto (2x) e Daniel descontaram para o Bahia.

O JOGO

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Com muitas alterações no time titular, o Bahia começou a partida com muitas dificuldades e foi dominado pelo Atlético-MG. O primeiro lance de perigo foi numa chance de Nathan, que arriscou da entrada da grande área e bateu forte, mas a bola subiu demais. Aos 12, Keno pega a bola após cobrança de escanteio e chuta fraco, facilitando a defesa de Douglas. Novamente o atacante Keno, arranca pelo lado esquerdo e chuta forte, a bola passou raspando o gol de Douglas. Aos 21 minutos, o atacante Savarino recebeu um passe dentro da grande área do zagueiro Réver, chutou forte e a bola estufou as redes, sem chances para Douglas. O único chute do Bahia aconteceu aos 44 minutos, após um cruzamento em que a bola sobrou para Elias, mas ele chutou pra fora.

SEGUNDO TEMPO

O Bahia voltou para a segunda etapa com duas alterações. Entraram Gilberto e Marco Antônio, a mudança de postura do time demorou um pouco a ser alterada, mas surtiu efeito do meio da segunda etapa para o final. Antes disso, o Galo teve uma chance com o atacante Keno, que driblou o zagueiro do Bahia e bateu pra fora do gol. Aos 14 e 19 minutos, Keno teve outras chances, mas novamente chutou as duas pra fora. O gol de empate do Esquadrão saiu aos 23 minutos, após chute forte de falta de Gilberto, Gregore ajeita para Daniel que marca o tento. Marco Antônio teve a chance de empatar aos 26 minutos, após contra-ataque rápido puxado por Gilberto, que cruzou rasteiro para Marco Antônio, o atacante chutou a bola pro gol, exigindo uma bela defesa de Éverson. O Tricolor virou o duelo aos 34 minutos, após um recuo errado de Guga, entregando a bola ‘de bandeja’ para Gilberto, que driblou o goleiro Éverson, entrou na área e deixou Igor Rabello no chão com mais um lindo drible e chutou a bola pra dentro. Foi a virada do Bahia, que ainda marcou mais um gol, aos 43 minutos, novamente com Gilberto, que entrou sozinho na grande área e chutou a bola no canto do goleiro Éverson, ampliando a virada para 3 a 1.

FICHA TÉCNICA:
BAHIA 3X1 ATLÉTICO-MG

Local: estádio Pituaçu, em Salvador (BA)
Data: 19 de outubro de 2020, segunda-feira
Hora: 20h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)
Gols: Daniel e Gilberto 2x (Bahia); Savarino (Atlético-MG)

BAHIA: Douglas; Ernando (Nino), Lucas Fonseca, Juninho e Juninho Capixaba; Gregore, Elias, Édson (Gilberto) e Ramon (Daniel); Fessin (Alesson) e Clayson (Marco Antônio). Técnico: Cláudio Prates

ATLÉTICO-MG: Everson; Guga, Réver, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Jair, Alan Franco e Nathan; Savarino, Keno e Eduardo Sasha. Técnico: Jorge Sampaoli