Maioria da Alerj aprova parecer que pede continuidade do impeachment de Witzel

Foto: reprodução/Agência Brasil

A maioria dos deputados estaduais Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) votou hoje (17) a favor do parecer que pede a continuidade do processo de impeachment do governador afastado Wilson Witzel (PSC).

Ao todo, 25 integrantes da comissão processante participaram do pleito. Foram 24 votos a favor do prosseguimento da denúncia. A votação final no plenário da Alerj, com todos os deputados, está prevista para a próxima semana.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Witzel foi afastado do cargo de governador por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) após a Operação Tris In Idem, que investiga desvios em recursos da saúde. De acordo com a investigação, ele lidera uma “sofisticada organização criminosa”. A descoberta do esquema teve início com a apuração de irregularidades na contratação dos hospitais de campanha, respiradores e medicamentos para o enfrentamento da pandemia do coronavírus.

Witzel nega as acusações e diz ser vítima de perseguição política.

*Fonte Metro1

X