Medeiros

New York Times inclui live de Daniela Mercury entre as 10 melhores da quarentena

Metro1

Foto: Reprodução / YouTube

Em tempos de pandemia, live virou sinônimo de show. A “Live da Rainha”, apresentada pela cantora Daniela Mercury diretamente da própria casa, extrapolou fronteiras nacionais e foi incluída em uma lista de dez melhores lives da quarentena, publicada hoje (21) pelo jornal norte-americano The New York Times. Na relação, feita pelo crítico de música Jon Pareles, a artista baiana figura ao lado de nomes como Erykah Badu e Norah Jones.

“Um show de estádio pode caber em uma sala de estar? Daniela Mercury, uma superstar brasileira que cantou para centenas de milhares de pessoas no Réveillon de 2010, no Rio de Janeiro, desfila, rodopia e samba como se estivesse em um palco muito maior, com a banda atrás dela, usando máscaras, em um local semelhante a um pátio e os filhos aparecendo como foliões de Carnaval. Em um set com quase três horas de músicas animadas celebrando o Carnaval e a Bahia, estado onde nasceu, ela é completamente incansável”, escreve o crítico, em tradução livre.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

A “Live da Rainha” foi produzida pela Macaco Gordo e veiculada no dia 29 de maio. Se você perdeu, é só apertar o play no vídeo abaixo. Vale lembrar que um mês depois, em 28 de junho, a Rainha fez a Live do Orgulho, celebrando a população LGBTQ+.