Secretário no Paraná, Feder diz que declina de convite para ser ministro da Educação

fonte: Metro1

Divulgação Seed Paraná/24.09.2020

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, afirmou hoje (5), em mensagem publicada em sua conta no Facebook, que rejeitou convite do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para assumir o Ministério da Educação (MEC).

Feder era um dos nomes cotados para assumir a pasta, mas ele teria perdido espaço depois que assessores de Bolsonaro montaram um dôssie contra ele e entregaram ao presidente na sexta-feira (3), de acordo com o canal CNN.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“Recebi na noite da última quinta-feira (2) uma ligação do presidente Jair Bolsonaro me convidando para ser ministro da Educação (…) Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro, por quem tenho grande apreço, mas declino do convite recebido”, escreveu Feder.