Medeiros

Lockdown: 64% dos baianos são favoráveis a isolamento social rígido, aponta pesquisa

Da Redação Aratu On

Uma pesquisa DataPoder360 indica que 64% dos baianos são favoráveis a medidas de isolamento social mais rígidas, como o lockdown (bloqueio geral), para frear a disseminação da covid-19. Outros 24% são contra e 11% não souberam responder. Na capital, Salvador, o percentual dos que apoiam uma quarentena mais dura é ainda maior: 74%.

Os números mencionados acima são maiores do que a média nacional. Entre todos os brasileiros, 58% são a favor de normas mais rígidas para frear o novo coronavírus e 33% são contra.

Reprodução/Poder360

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Ainda de acordo com a pesquisa, no Estado, 73% das mulheres querem medidas mais rígidas de isolamento, enquanto apenas 54% dos homens são favoráveis. Os mais ricos são os que mais apoiam normas rigorosas para frear a doença. No estrato dos que ganham de 2 a 5 salários mínimos, por exemplo, 82% são favoráveis.

O levantamento das informações foi realizado de 25 a 27 de maio pelo DataPoder360, divisão de estudos estatísticos do Poder360, em uma parceria editorial do jornal digital.