Oito policiais apresentam sintomas de coronavírus e delegacia precisa ser fechada em Brotas

Aratu On

Crédito da Foto: divulgação/SSP

A Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), localizada no bairro Engenho Velho de Brotas, em Salvador, precisou fechar as portas na manhã desta terça-feira (19/5) por conta de uma possível infecção de oito policiais civis pelo novo coronavírus.

A informação é sustentada pelo presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SINDPOC), Eustácio Lopes. Ele sustentou que, dos 53 colaboradores, 24 foram afastados, sendo que um que está internado no hospital Santa Isabel com um quadro de dificuldades respiratórias, utilizando equipamentos para conseguir respirar. Além dele, outros sete estão com sintomas e suspeita da doença. O serviço já foi retomado na unidade.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“O que nos assusta é que infelizmente não há, ou não parece haver, nenhuma preocupação do delegado geral e da Secretaria de Segurança Pública (SSP) com esses servidores, uma vez que há escassez dos equipamentos de proteção individual para suprir a demanda de todos”, disse o presidente.

As medidas de descontaminação e desinfecção foram realizadas na delegacia. Por nota, o órgão disse que os protocolos de prevenção à doença estão sendo aplicados pelo Departamento Médico da Polícia Civil (Demep) em relação aos colaboradores afastados. A Polícia Civil nega o fechamento da Deam.

A delegacia recebeu pulverizador costal e passará diariamente por higienização com água sanitária, detergente e sabão líquido. Além disso, os servidores receberam equipamentos de proteção individual (luvas, máscaras e álcool a 70%).

X