Após saída de Teich do governo, Mandetta pede orações e deseja ‘forças’ ao SUS

Com informações do Bahia.ba

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Pouco após a confirmação da saída de Nelson Teich do Ministério da Saúde, Henrique Mandetta, seu sucessor na pasta, fez uma publicação no Twitter em que pediu “oração” e desejou “forças” ao SUS (Sistema Único de Saúde).

Teich pediu demissão na manhã desta sexta (15), menos de um mês após substituí-lo no governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

No momento em que Teich anunciou sua saída, Bolsonaro participava do lançamento de uma campanha de conscientização contra a violência doméstica feita pelo Ministério da Mulher e da Família.

O presidente estava acompanhado de sua mulher, Michelle Bolsonaro, dos ministros Onyx Lorenzoni e Damares Alves e não falou no evento.

A defesa do agora ex-ministro para que o país seguisse as recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) a fim de brecar a proliferação da doença no país gerou atrito com Bolsonaro, que é a favor da tese de que a economia não pode parar e que apenas uma parcela da população deveria ficar em isolamento.

X