Repórter da Globo é vítima de racismo por usar máscara de proteção

Agência Brasil

Foto: Reprodução/Instagram

O repórter Manoel Soares relatou ao vivo no programa ‘É de Casa’, da TV Globo, na manhã deste sábado (9), que foi vítima de racismo em uma publicação nas redes sociais, em que aparece com uma máscara de proteção.

A foto do jornalista, em uma reportagem, seguindo a recomendação do uso de máscara na prevenção ao coronavírus, foi reproduzida nas redes sociais e um usuário comentou: “Esse preto de máscara. Assalto?”. Manoel Soares ressaltou a importância da denúncia e orientou, junto a um advogado, que vítimas de situações como essa guardem as imagens dos comentários para usar como prova contra o crime.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“A gente encontra uma pessoa preconceituosa e centenas de outras pessoas que nos fazem bem. Eu tomei a decisão de olhar pro lado que me faz bem. Não vou dar audiência pra pessoas que não valem a pena”, relatou o jornalista. “Não deixe que o racismo paute a sua vida”, completou.

X