STJ nega pedido de Sérgio Cabral para ir à prisão domiciliar

Bahia.ba

Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou o pedido da defesa de Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro, para que ele deixasse a cadeia e fosse à prisão domiciliar por causa dos riscos do coronavírus.

Na decisão, o ministro Rogério Schietti afirmou que a pandemia não pode representar um passe livre para presos.

Além disso, o ministro destacou que Cabral está preso no Presídio Pedrolino Werling de Oliveira, que teve suas instalações reformadas recentemente, além de ser monitorando e ter condições de ter pronto atendimento médico.

X