Ministro da Saúde sugere adiamento das eleições 2020 por conta do coronavírus

Via RedeTV!

Foto: Isac Nóbrega/PR

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, sugeriu que o Congresso adiasse as eleições municipais deste ano, marcadas para outubro, para conter o avanço do novo coronavírus no Brasil. O comentário foi feito durante reunião por videoconferência com prefeitos de capitais neste domingo (22).

Para Mandetta, ações políticas, como a disputa eleitoral, pode comprometer o foco dos gestores e causar uma “tragédia”.

“Estou alertando que todos vocês precisam, com todas as diferenças políticas, [se entender]. Aliás, eu faço aqui até uma sugestão para vocês discutirem. Está na hora de o Congresso olhar e falar: “olha, adia [as eleições]”. Faça um mandato tampão desses vereadores e prefeitos. Eleição no meio do ano vai ser uma tragédia. Vai todo mundo querer fazer ação política. Eu sou político. Não esqueçam disso, afirmou o ministro.

Nesta última quinta (19), o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), que presidirá o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a partir de maio, declarou que não cogita adiar as eleições municipais, que devem ser realizadas em outubro no país. Segundo ele, a situação de pandemia por coronavírus no país já estará normalizada até a data das votações.

X