Maia elogia Mandetta mas pondera que não é hora de falar em adiamento das eleições municipais

Redação

Foto : Luis Macedo / Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara Rodrigo Maia (DEM) avaliou nesse domingo (22) que não é o momento adequado para discutir um eventual adiamento das eleições municipais marcadas para o mês de outubro.

“Eleições começam dia 15 de agosto. Vamos focar agora no tema da saúde. Aliás, área em que o Mandetta vai muito bem. Na hora correta vamos cuidar da eleição”, disse ao Globo.

De acordo com o calendário eleitoral, a data citada por Maia é o último dia para os partidos políticos e as coligações apresentarem à Justiça o requerimento de registro de seus candidatos.

No início da tarde, o ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) sugeriu o adiamento das eleições deste ano em razão da pandemia do novo coronavírus.

“Faça um mandato tampão desses vereadores e prefeitos. Eleição no meio do ano vai ser uma tragédia”, disse.

X