Salvador tem 1ª morte por chikungunya confirmada em 2020

Do BN

John Eisele/Colorado State University Photography/Divulgação

Em meio a um surto mundial de Coronavírus – que não tem qualquer caso confirmado em Salvador, o secretário de saúde da capital baiana, Leo Prates (DEM), alertou em coletiva nesta sexta-feira (13) a preocupação da prefeitura com outra doença viral: a chikungunya.

Salvador teve um aumento de 640% dos casos notificados da doença no início deste ano, em comparação ao mesmo período de 2019, e uma morte já confirmada pela doença, no bairro de Lobato. “Estamos preocupados com o novo Coronavírus, mas estamos esquecendo de um inimigo já instalado. Nossa preocupação maior é a chikungunya”, falou Prates.

X