Bolsonaro viajou com assessor que apresenta sintomas de coronavírus

fonte: Bahia.ba

Reprodução/Agência Brasil
Em agenda oficial nos Estados Unidos, desde o início da semana, o presidente Jair Bolsonaro teve contato com o chefe da Secretaria Especial de Comunicação (Secom) da Presidência da República, Fábio Wajngarten, que está com suspeita de coronavírus.

Segundo a jornalista Monica Bergamo, Bolsonaro passa, por tabela, a ser considerado um caso suspeito de contágio por causa do contato direto com o chefe da Secom.

Wajngarten fez exames clínicos nesta quarta-feira (11) no Hospital Israelita Albert Einstein, e receberá os resultados na quinta (12).

X