Homem é baleado após beijar companheiro dentro de bar em Camaçari

Do Aratu On

Foto: Everaldo Lins/ Arquivo Pessoal
Um casal gay que passava o final do último domingo (20/10) em um bar no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, pode ter sofrido homofobia. Marcelo Macedo e seu companheiro estavam no estabelecimento, localizado no bairro Inocoop, quando três homens chegaram no local. Ao se beijarem, os dois passaram a sofrer ofensas verbais que mais tarde acabaria em tiros.

Segundo o representante do Grupo Gay de Camaçari (GGC), Paulo Vitty, os suspeitos mandaram o companheiro de Marcelo correr antes de um deles disparar dois tiros. “Acertaram a costela e a coxa dele, uma covardia. Depois, quando a polícia chegou para socorrer Marcelo, o homem que atirou conversou com os policiais e os três foram liberados”, contou, se mostrando indignado.

Marcelo foi socorrido para o Hospital Geral de Camaçari e seu estado de saúde é considerado estável. Ainda de acordo com Paulo, o GGC aguarda sua melhora para entender todos os detalhes do acontecido e, só então, registrar Boletim de Ocorrência.

A titular da 18ª Delegacia Territorial (DT/Camaçari), Thaís Siqueira, disse ao Aratu On que foi comunicada sobre o fato, mas só pode começar as investigações assim que o caso foi registrado na unidade.