Pai que matou o assassino do filho diz que não se arrepende pelo crime; veja vídeo

Do Massa News

Foto: Jairo Nascimento/Rede Massa

O homem que vingou a morte do filho matando o suspeito do assassinato com um tiro na cabeça afirma que não está arrependido e que está pronto para pagar o que deve à Justiça. O caso aconteceu em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba.

Levado à delegacia do município, o homem identificado como Florisvaldo da Silva segue preso e deverá ser submetido ao júri popular.

Ao falar sobre a atitude extrema de vingar a morte do filho, o pai justificou. “Aquele menino destruiu a nossa vida. Tirou a vida do meu filho, que era muito trabalhador e honesto. Todos na cidade o conhecem. Ele trabalhou durante anos na farmácia popular e agora ganhava a vida como corretor”, afirmou.

Perguntado sobre as possíveis motivações da briga que terminou na morte do filho, o homem disse não saber o porquê. “Deram 11 facadas no meu filho. Ninguém cria um filho para isso, então não estou arrependido. Queria estar morto para não ver o que eu vi”, desabafou Florisvaldo.

Preso preventivamente, o homem disse que não espera o perdão do júri popular e afirma que está pronto para pagar pelo crime que também cometeu.

Veja vídeo

O caso

O homem preso pela polícia nesta segunda-feira (6) matou Lincon Rodrigues, de 21 anos, na última quinta-feira (2), no bairro Lamenha Grande, em Almirante Tamandaré. A motivação do crime seria uma vingança, já que Lincon é suspeito de ter assassinado a facadas o filho do suspeito, na madrugada do mesmo dia.

Lincon foi atingido por um tiro na cabeça no fim da manhã de quarta-feira e encaminhado em estado gravíssimo ao Hospital do Rocio, em Campo Largo. O rapaz não resistiu aos ferimentos e morreu na noite de quinta-feira (2).

O jovem, porém, seria o autor do assassinato de João Pedro Bento da Silva, de 23 anos, registrado horas antes, também no bairro Lamenha Grande. Por este motivo, o pai da vítima, identificado como Florisvaldo da Silva, teria ido até a casa de Lincon e cometido o crime.

O homem foi preso e confessou o homicídio. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Almirante Tamandaré.