Homem mata pastor por convidá-lo à igreja e bebe o sangue da vítima

fonte: iBahia

Foto: reprodução
Um homem é acusado de matar um pastor com golpes de barra de ferro atrás de uma escola municipal no bairro de Barro Vermelho, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense.

Fábio de Souza Brito, de 38 anos, foi preso em flagrante nesta sexta-feira (1) pelo homicídio de Ronaldo Calazans Inês, de 56 anos. De acordo com policiais, ele teria bebido o sangue da vítima após cometer o crime.

Informações preliminares indicam que o suspeito teria reagido com violência após Ronaldo tentar lhe entregar um panfleto bíblico. Um vídeo mostra o homem sendo detido por agentes do 39º BPM (Belford Roxo) enquanto a viatura é cercada por moradores. Ao final, uma mulher aproxima-se da janela do carro e acusa o preso: “Você matou meu marido, seu desgraçado!”

Em outro momento, um homem encosta na janela e confronta Fábio: “O cara foi te chamar pra Igreja e você o matou. Agiu de covardia legal”, diz ele, antes de se dirigir aos PMs: “Ninguém vai bater não, só falar umas verdades na cara dele”.

Fábio xinga e retruca: “Você me viu?” “Todo mundo”, responde um homem. O que está mais próximo da viatura volta a falar com Fábio. “Se eu soubesse que você fazia isso com os outros, eu não tinha te socorrido”, diz.

O suspeito foi levado para a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), que conduzirá as investigações. De acordo com a Polícia Civil, ele prestou depoimento e será encaminhado para o presídio.