Teto do INSS deve subir para R$ 5.839,45 a partir da próxima semana

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

O teto previdenciário deve subir de R$ 5.645,80 para R$ 5.839,45. Isso porque os benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) com valores acima de um salário mínimo, concedidos até janeiro do ano passado, deverão ser reajustados em 3,43%. A informação é da Folha.

O índice corresponde à inflação acumulada em 2018, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) divulgado nesta sexta-feira (11) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O piso salarial de R$ 998 está estabelecido desde o decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) no dia 1º.

A confirmação do acréscimo só ocorrerá após publicação de portaria no Diário Oficial da União (DOU), o que deve ocorrer na próxima semana, de acordo com a Secretaria de Previdência.

Segundo dados oficiais registrados até novembro do ano passado, o rombo na previdência dos militares da Forças Armadas foi o que mais cresceu.