Vadão substitui Emily Lima na seleção brasileira feminina

Créditos: FIFA/Getty Images

O técnico Vadão está de volta ao comando da seleção brasileira feminina. Após deixar a equipe há menos de um ano, ele retorna para o futebol no lugar de Emily Lima, demitida na última sexta-feira (22).

Vadão foi o comandante do Brasil na Copa do Mundo de 2015 e nos Jogos Olímpicos de 2016. Nas Olimpíadas, o resultado foi melhor do que no ano anterior, quando a seleção caiu nas oitavas de final do Mundial. O time brasileiro chegou ao quarto lugar no Rio de Janeiro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Em 2019, a Copa do Mundo será disputada novamente, desta vez na França. A classificação para o Mundial será definida na Copa América, disputa que começa em abril.

O último trabalho de Vadão foi no Guarani. Ele foi demitido do clube paulista em agosto, durante a disputa da Série B, quando o Bugre estava a seis pontos da zona de acesso para a Primeira Divisão.

X