CASO FELIPE YVES: Envolvido na morte de compositor, Penga, o 10 de Ouros, é preso

Foto: Reprodução Facebook

Railson Couto dos Santos, o Penga, de 22 anos, Dez de Ouros do Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública (SSP/BA), foi preso na manhã desta quarta-feira (12/4), por equipes do Draco e da Delegacia de Homicídios (DH/RMS) em Paripe. De acordo com a Polícia Civil, ele tem participação na morte do compositor Felipe Yves, ocorrida no dia 6 de março, na Fazenda Grande I.

Foto: Railson Couto dos Santos, o Penga, de 22 anos

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Railson seria apresentado na tarde de hoje, na sede do Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), na Pituba, mas a polícia informou o cancelamento, sem explicar as razões. Uma nova data será marcada.

Ele era o último envolvido no caso que permanecia foragido. Antes dele, Ueslei Silva Sarinho, o Heures, e Andrei de Jesus dos Santos, o Lacoste, ambos de 22 anos, já haviam sido presos. Outros dois adolescentes foram apreendidos.

Felipe Yves era autor de sucessos como “Depois de nós, é nós de novo” (gravado por Igor Kannário) e “Bumbum Paredão” (gravado por Léo Santana). Seu corpo foi encontrado decapitado e carbonizado.

Do Aratu Online