Bahia vence o Atlântico, garante vice-liderança e vantagem para semifinal

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Sem sustos, o Bahia, mesmo com time reserva, não deu chance á zebra. Em Pituaçu, mas como visitante, o Tricolor venceu com facilidade o Atlântico por 3 a 0, na noite desta quarta-feira (5) e garantiu a vice-liderança do Baianão.

Mesmo com o BAVI ainda a ser disputado no próximo domingo (9), o Esquadrão foi aos 21 pontos, ultrapassou o Fluminense e não poderá mais ser alcançado pelo clube feirense. O Touro, com 20 pontos, encerrou sua participação na primeira fase nesta quarta e foi goleado pelo Vitória.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Com a segunda colocação garantida, o time do Fazendão assegurou também a vantagem para a semifinal. Diante do próprio Flu, os comandados de Guto Ferreira farão o jogo de volta na Arena Fonte Nova e jogarão por dois resultados iguais para chegarem à decisão do estadual.

O JOGO

O jogo começou e o Bahia não demorou a inaugurar o marcador. Aos seis minutos, Edigar Junio lançou Diego Rosa, que cruzou da direita para Gustavo, de cabeça, fazer o primeiro.

Aos 11 minutos, porém, o goleiro Anderson teve trabalho. Ramon Barbosa chutou forte de dentro da área e o arqueiro fez bela defesa.

Mas, o Atlântico não assustou mais na primeira etapa. O Tricolor aproveitou e fez o segundo.

Aos 26, Gustavo ajeitou com o peito para o chute de Zé Rafael na área. O goleiro Gustavo deu rebote e o próprio Gustagol aproveitou para marcar mais um.

Mas, o terceiro só veio aos 23 minutos do segundo tempo. Gustavo deu assistência para Diego Rosa, que driblou o goleiro e mandou nas redes.

Os minutos finais foram de tranquilidade para o Esquadrão, que tirou o pé do acelerador e garantiu o triunfo com folga.

Atlântico 0 x 3 Bahia
Baianão 2017 – 11ª rodada

Local: Pituaçu, em Salvador (BA)
Data/Horário: 09/04/2017, às 21h45
Árbitro: Emerson Ricardo de Almeida. Assistentes: Paulo de Tarso Bregalda Gussen e José dos Santos Amador
Cartões amarelos: Gustavo (BAH); Sinval (ATL)
Gols: Gustavo-2, Diego Rosa (BAH)

Bahia
Anderson; Wellington Silva, Jackson (Rodrigo Becão), Lucas Fonseca e Armero; Renê Júnior, Matheus Sales e Diego Rosa; Zé Rafael (Mário), Edigar Junio (Maikon Leite) e Gustavo. Técnico: Guto Ferreira.

Atlântico
Gustavo; Cassio, Uesles, Sinval e Lucas; Antônio Carlos, Michel, Borges e Ramon Barbosa; Junior e Hugo. Técnico: Ricardo Silva.

*Do Galáticos Online