Agente penitenciário de Feira de Santana é assassinado em Irará

Foto: Arquivo pessoal

O agente penitenciário do Conjunto Penal de Feira de Santana, Ciro Andre Dias Cerqueira, 35 anos, foi assassinado durante um assalto por volta das 20h de quarta-feira (29), no centro da cidade de Irará.

Segundo policiais da 97ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM), Ciro foi surpreendido por dois homens em um automóvel Saveiro branco, que além do veículo Voyage branco, subtraíram a arma da vítima. O Voyage foi abandonado pelos bandidos e localizado entre as cidades de Coração de Maria e Conceição do Jacuípe (Berimbau).

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização (Seap), Ciro residia em Irará, era religioso. O diretor do Conjunto Penal de Feira de Santana, capitão Allan Araújo, informou que por conta do ocorrido, a visita a presos que ocorreria nesta quinta-feira (30) está suspensa.

“É uma grande perda. Era um homem religioso, um profissional dedicado, que cumpria seu papel com maestria, mantinha projetos sociais em irará. A polícia tem buscado a autoria do crime e, pela experiência que temos tudo indica que foi um crime premeditado. A Polícia Civil já tem as linhas de investigação e tenho certeza que esse criminoso será localizado. Não temos confirmação se ele vinha sendo ameaçado”, declarou o capitão Allan em entrevista ao Acorda Cidade.

Do Acorda Cidade