Defesa de Lula vai ao STJ para pedir que Moro se afaste de processo na Lava Jato

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

A defesa do ex-presidente Lula ingressou no Superior Tribunal de Justiça (STJ) com pedido de habeas corpus para anular a ação a que responde por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, em Curitiba, e o afastamento de Sérgio Moro do caso por “total ausência de imparcialidade”.

De acordo com Lauro Jardim, do jornal O Globo, a defesa alega a 13ª Vara Federal Criminal, onde tramita a ação penal contra Lula não teria competência territorial. Para sustentar a falta de imparcialidade de Moro, a defesa cita a condução coercitiva de Lula, na 24ª fase da operação, em março do ano passado, como indício de supostos excessos na condução dos processos da Lava Jato.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O ministro Felix Fischer é relator do pedido. Instruída com diversas fotos publicadas nos jornais de Moro em eventos com personalidades ou empresas supostamente opositoras ao ex-presidente, a petição traz uma foto do juiz conversando com Aécio Neves na premiação em uma premiação da revista Isto É.

X