Eike Batista tem cabeça raspada e é transferido para Bangu

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Preso assim que desembarcou no Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (30), o empresário Eike Batista foi levado para Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, nesta tarde.

O empresário, que estava considerado foragido, embarcou no domingo (29), no Aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, em um voo da American Airlines rumo ao Brasil. Na chegada foi detido por policiais federais, encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e, na sequência, levado para o Presídio Ary Franco, em Água Santa, onde teve os cabelos raspados.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O nome de Eike Batista apareceu na semana passada no âmbito da Operação Eficiência, um desdobramento da Operação Calicute, fase da Lava Jato, sobre propinas pagas por grandes empreiteiras a partidos e políticos para obter contratos da Petrobras.

Eike, de 60 anos, foi considerado o homem mais rico do Brasil e, em 2012, o sétimo mais rico do mundo pela revista Forbes, com uma fortuna estimada em US$ 30 bilhões. As empresas do grupo EBX atuam na área de mineração, petróleo, gás, logística, energia e indústria naval. Em 2013, entretanto, os negócios entraram em crise e Eike começou a deixar o controle de suas companhias e vender seu patrimônio.

*RedeTV!

X