PSB apresenta propostas para Temer com ‘agenda mínima’ em caso de impeachment

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O PSB apresentou nesta terça-feira (3) ao vice-presidente Michel Temer (PMDB) um documento intitulado “Uma agenda para o Brasil”, que reúne propostas do partido para o Brasil superar a crise.

Representaram a legenda o presidente nacional da sigla, Carlos Siqueira, e os líderes do partido na Câmara, Fernando Coelho Filho (PE), e no Senado, Antônio Carlos Valadares (SE). Siqueira informou ao peemedebista que o partido decidirá sua participação em seu governo, caso o impeachment ocorra, durante reunião da Executiva Nacional na próxima terça-feira (10), em Brasília.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Entre os tópicos apresentados no documento, elencados como “agenda mínima”, o PSB propõe que o ajuste fiscal não pese sobre a população de baixa renda, que sejam mantidas conquistas sociais e a defesa dos direitos humanos e que sejam incluídos no sistema político-partidário cláusula de desempenho, fim da reeleição e das coligações proporcionais.

O partido quer também uma reforma tributária, a discussão de um novo federalismo e a ampliação das ferramentas de transparência.