Falso dentista é preso em flagrante durante atendimento no bairro da Liberdade

falsodentista
Foto: Divulgação / CRO-BA

A Polícia Militar prendeu em flagrante Wagner Costa da Silva, por exercer ileglamente a profissão de cirurgião-dentista na Odonto Liber Serviços Odontológicos, no bairro da Liberdade, em Salvador.

Na manhã desta terça-feira (23), os policiais e membros do Conselho Regional de Odontologia da Bahia (CRO-BA) flagraram Wagner prestando atendimento a um paciente.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

De acordo com o preso, ele comprou o consultório, mas não conseguiu profissionais habilitados para exercer a odontologia e passou a prestar serviços de manutenção de aparelhos odontológicos.

Era cobrada taxa de R$ 40,00 por cada procedimento. Wagner e o paciente foram conduzidos para a 2ª CIPM para lavratura dos procedimentos cabíveis. A presidente da Comissão de Fiscalização do CRO-BA, dra. Viviane Sarmento fez um alerta à população sobre o uso indevido de aparelhos odontológicos e criticou a falta de leis severas para quem comercializa ilegalmente tais produtos.

Segundo Viviane, o falso dentista deve responder por exercício ilegal da profissão de Odontologia e, se condenado, poderá pegar de seis meses a dois anos de prisão.

X